Solidariedade

Agenda


Concertos na Capela às 20h



Dia 27 de Janeiro de 2012

Concerto de solidariedade da ADR – Associação Animais de Rua

Programa de Franz Lizst

VERA PROKIC PIANO

Compra de bilhetes no dia do concerto ou por transferência bancária para
o NIB da LIGA AdR – 0065 0921 00201240009 31

Preço: 20€

Travessa do Norte da Lapa, nº3 Lisboa

» Download do Programa


Dia 28 de Janeiro de 2012

Concerto de solidariedade da APCA – Associação de Protecção aos Cães Abandonados

Programa de Franz Lizst

VERA PROKIC PIANO

Compra de bilhetes no dia do concerto
Donativos para o NIB da Associação APCA – 0007 0207 0005 3960 009 97 (BES)

Preço: 20€

Travessa do Norte da Lapa, nº3 Lisboa

» Download do Programa

Respeitem-nos!

Tudo o que é simples é tão difícil de compreender. A simplicidade é de uma inexplicável pureza e inesquecível beleza. Assusta-nos ser um ser humano adulto! Corremos um grande perigo de que as nossas memórias provoquem lembranças e nostalgias, dos tempos que nunca mais voltam, o tempo das nossas INFÂNCIAS!

ERA o tempo onde o mundo nos pertencia só a nós. Além da alegria, tivemos muitos brinquedos de peluche; muitos deles foram animais: cãozinhos, ursinhos, coelhinhos… Eles tornaram-se os nossos amigos, com quem partilhávamos as nossas emoções e os nossos segredos. Foram os nossos primeiros companheiros na cama; adormecíamos e sonhávamos com eles ao nosso colo. Pouco depois, o “brinquedo de peluche” transformou-se num animal vivo, um cão, um gato, um pássaro. Brincámos sempre com eles até já não podermos mais, rimo-nos até já não podermos mais, corremos até já não podemos mais. O nosso companheiro de 4 patas era o primeiro a acordar e esperava por nós, ELE que nunca se zangava connosco, ELE que sofria e que nos protegia; com ELE aprendemos a liderar e a ser responsáveis, foi ELE que nos ensinou sobre a amizade eterna e, afinal, era ELE que nos amava INCONDICIONALMENTE.

Dick

Esta relação criança-animal, animal-criança tem uma união especial: honestidade, troca de amor e SIMPLICIDADE. Se acontecer, por falta de respeito e de responsabilidade, estas uniões desaparecerem, eles ficam Sós, numa solidão profunda, em sofrimento, numa dor insuportável, em depressão. Não sabem odiar, mas a ferida aberta ficará para toda a vida, acompanhada de desejo e de esperança.

Estamos no século XXI, na era da imagem, da informática, dos robôs, das fortes discussões sobre o casamento homossexual; o aborto já faz parte da vida quotidiana, mas os animais estão muito ainda distantes na nossa sociedade, e sem a consideração e o lugar que merecem. Há quatro séculos atrás, o grande mestre Leonardo da Vinci escreveu “chegará o dia em que o crime contra o animal será julgado como um crime contra a humanidade! E apesar de todo o progresso científico do homem, ainda temos muitas crianças abandonadas, mal tratadas, raptadas, com fome, e animais brutalmente assassinados, abandonados, abatidos, doentes. E a responsabilidade, é de quem?

Será que a MENTIRA se tornou a nossa realidade? Será que o DINHEIRO se tornou o imperativo das nossas vidas? Será que a HIPOCRISIA se tornou o único patrão? Será possível que esquecêssemos que a EMOÇÃO É A ESSÊNCIA DA VIDA? Será que não temos NADA MAIS para dar? Parece que temos de voltar de novo à escola. Temos que ter aulas sobre amor e responsabilidade e, sem medo, crescer em maturidade. Nunca devemos esquecer que a beleza e a pureza residem na simplicidade…

Este projecto é dedicado a todas as crianças e animais de alto risco, doentes, com fome, ou abandonados; em Portugal, inicialmente, depois na Europa e no mundo inteiro… Temos que os ajudar a voltar a confiarem em nós, a amarem e ser amados e a viver como um ser humano respeitado. Sem ELES não há futuro neste planeta. Eles são as nossas luzes no caminho da vida e da emoção.

Neste sentido, em seu nome organizo um primeiro concerto, que se vai realizar no dia 14 de Maio de 2009, no Palácio de Queluz, às 19.30 horas. Este será o início de um grande movimento de esperança, ajuda e mudança.

Vera Prokic

Galeria de Fotos

Concerto de piano – Respeitem-nos!

Os Meus Amigos Animais

Partilhar